Liberalismo e Conservadorismo: um guia para as ideias políticas do momento

O que é o liberalismo? O que que diferencia um liberal de um conservador? Como é possível se dizer liberal e conservador ao mesmo tempo? Como ficam os conceitos de “esquerda” e “direita” no contraste entre liberais e conservadores? Esses questionamentos muito pertinentes têm surgido com frequência no debate político brasileiro dos últimos anos. Expressões como “nova direita” se tornaram muito populares, sendo utilizadas para rotular políticos e ideias muito diferentes entre si, e a eles sempre se colam, alternadamente, rótulos de liberais ou conservadores. Declarações frequentes de novas lideranças públicas autoproclamando-se “liberais na economia, conservadores nos costumes” tornam a confusão ainda maior. Com a proximidade das eleições presidenciais deste ano, uma melhor compreensão desses termos políticos vai muito além do desinteressado prazer intelectual pela história das ideias.

Eduardo Wolf, doutor em Filosofia pela USP e editor do Estado da Arte, vai tratar do tema em curso na Casa do Saber nos dias 13 e 20 de setembro.

Livre de quaisquer comprometimentos partidários, o curso pretende explicar os conceitos de “liberalismo”, “conservadorismo”, “esquerda” e “direita” tanto a partir de seus textos e autores canônicos – de John Locke e Adam Smith a Marx e Thomas Piketty – quanto a partir dos acontecimentos políticos recentes como o Brexit, o governo de Donald Trump e o Brasil pós-crise política.

Confira neste link mais informações.