O mínimo que você precisa saber para não ser um completo ideólogo

“Marx era suficientemente esperto, ou hegelianamente esperto, para saber que, se ele tivesse apenas uma parte da ciência, não estava ainda com ela. Pois a ciência não é como a Larissa, que eu pedi em namoro na quinta série e me disse que ‘ia pensar’, já há mais de trinta anos. A ciência é mais como um matrimônio, no qual se diz sim; e então uma nova fase começa. Só que, no caso dos filósofos, são eles que ainda estão pensando”. Por Arthur Grupillo, o mínimo que você precisa saber para não ser um completo ideólogo.

Read more

Crítica na Rede – Iris Murdoch: Sobre “Deus” e “bom”

O Estado da Arte inicia a publicação do excelente acervo de traduções filosóficas do site Crítica na Rede. Leia o ensaio da filósofa e escritora britânica Iris Murdoch (1919 – 1999), uma das pensadoras mais originais do século XX.

Read more

50 anos do Maio de 68 (Parte 4) – A implosão do maoísmo e a Nova Esquerda

As alternativas maoístas assimiladas pela esquerda francesa eram desastrosas, mas as motivações de muitos que as defendiam no Ocidente eram genuinamente generosas.

Read more

Deirdre McCloskey: trans, liberal e em defesa das virtudes burguesas (II)

A economista Deirdre McCloskey, que estará no Brasil para o Fronteiras do Pensamento na próxima semana, defende que foram as ideias, mais do que as instituições e o capital, que fizeram – e enriqueceram – o mundo moderno.

Read more

A morte de Castro deixa uma pergunta: onde está a “esquerda democrática” no Brasil?

A morte do ditador cubano Fidel Castro serviu como peculiar teste para as convicções democráticas daqueles que ainda se reivindicam de esquerda no Brasil.

Read more